quinta-feira, 16 de julho de 2015

Resenha: Tudo Que Um Geek Deve Saber - Ethan Gilsdorf - Editora Novo Conceito



Tudo Que um Geek deve saber
Autor: Ethan Gilsdorf
Editora: Novo Conceito
Categoria: Infanto Juvenil
ISBN: 978-8163-533-8
431 Páginas
1° edição 2015

 

Sinopse 

Por intermédio das suas reflexões e da viagem que decidiu fazer, Ethan Gilsdorf conta não somente a sua história, mas a da cultura pop. Jogador, na adolescência, de Dungeons&Dragons e fã de J. R. R. Tolkien, ele pegou a estrada para ir ao encontro de sua família . Nesse incrível tour, o autor viaja para a cidade natal do criador de D&D, Gary Gygax, veste uma fantasia para participar de um RPG e usa trajes medievais para encenar uma guerra em um encontro de nerds. Ao longo de sua jornada, Ethan ainda visita as obras do castelo francês Guédelon, uma incrível fortaleza medieval que está sendo construída hoje com os mesmos recursos utilizados no passado, e viaja para a Nova Zelândia, onde conhece as locações das filmagens de O Senhor dos Anéis. Acompanhe Ethan Gilsdorf nesta jornada sem precedentes, que traz para a realidade a paixão pela fantasia e pelos jogos.


Minhas Impressões




Oi gente, tudo bem com vocês?

Hoje trago a resenha de um livro, vamos dizer, um pouco diferente. “Tudo Que Um Geek Deve Saber” foi uma experiência diferente (e entediante) para mim. Pera pessoal, o livro não é ruim, muito pelo contrário. Porém não faz nem um pouco meu estilo.
 

“Uma incrível jornada épica entre RPG, jogos online e reinos imaginários.” (Capa)

 

O autor trouxe suas aventuras no mundo do RPG para o livro, ele conta como ele se descobriu um geek e como tem orgulho disso. Ele também narra alguns de seus jogos de Dugeons e Dragons (pra quem não sabe isto é um jogo de RPG) muito citado no livro como histórias (essas partes são bem legais).

 
“- D&D? o que é isso? Um jogo de tabuleiro?
(...) – Dugeons&Dragons? Não é um jogo de tabuleiro normal... não como o que você já viu. Você joga com um personagem... e tem um monte de regras (...)” ( Pág. 17)

 
Lendo o livro descobri que com certeza não sou um geek (confesso que pulei algumas partes chatas), porém o autor conseguiu me mostrar um ponto de vista muito diferente sobre esse universo. O livro traz não só o mundo geek, mas os problemas do autor que ocorrem na vida de várias pessoas e que o fizeram descobrir uma forma de se desligar um pouco do mundo real.

 
“Mais ou menos um ano depois de descobrir a caixa térmica azul, resolvi encarar a chamada “idade adulta”. Havia chegado a hora.” (Pág. 41)

 
Por mais que o livro não vá entrar para os meus preferidos, eu recomendo. O livro é muito bom para pessoas que se sentem “excluídas” da sociedade por serem consideradas “Nerds” perceberem que não são nada disso e descobrirem mais sobre esse universo particular. Então pessoal, leiam o livro, nunca se sabe se você é um geek ou não.

 

 
Tchau, pessoal! Até a próxima resenha.



5 comentários:

Paloma Casali disse...

Luu... adorei a resenha!
Confesso que não é um livro que lerei, sei que não sou esse tipo de nerd hahahaha nem sei o que é um RPG direito.
Mas achei que você deu seu ponto de vista de uma forma franca e ao mesmo tempo disse que o livro não foi legal para você, mas pode ser para outras pessoas que se enquadrem nesse mundo.
Parabéns!

Beijos

Bibi Santos disse...

Com certeza n sou Geek... kkkkk muito boa a resenha. .. achei muito legal a forma que você abordat seu ponto de vista sem desmerecer o livro para quem curtir e sem acha um Nerd... Parabéns!

lucas santos disse...

Obrigadooo, que bom que gostaram!!!

lucas santos disse...

Obrigadooo, que bom que gostaram!!!

Laganowski disse...

Adorei a resenha Lucas! Apesar de ser Geek não é um livro que eu leria... Porque a vida me ensinou o que deve ter ai... hahahaha Então nem ligo quando me julgam por minhas nerdices! Bela resenha! E esse livro deve ser bacana para jovens nerds, que enfrentam preconceito e muitas vezes nem sabem como lidar com isso.

Postar um comentário

Compartilhe conosco suas ILUSÕES!

 
Copyright 2009 Ilusões Noturnas